Anseio

Projetei sonhos, ideais
que não vão se realizar.
A verdade se tornou corrompida,
como em todos os finais.

Criei prisões há um tempo atrás, irreais.
Presa em uma fantasia
– desiguais, triviais, imparciais –
apenas por minha teimosia.

Almejei demais de você,
mais do que poderia oferecer.
Fiz planos, buscando algo precoce.
Eu me perdi demais, ao invés de deixar acontecer.

Planejei errado,
buscando de maneira insana o amor.
Estou congelado, amedrontado.
Buscando de alguma maneira, o fim desta dor.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s