Calmaria

Encontros adiados, porque ela ainda não se sentia confortável em conhecer novas pessoas. Desculpas e mais desculpas, até que ela decidi sair do limbo e conhecer alguém.
O que ela mais temia era conhecer alguém que a fizesse reviver seu passado, passar por toda aquela confusão novamente. Mas a vida lhe sorriu novamente, como se estivesse dizendo “Viu só, quero lhe fazer sorrir.”, e ela então o conheceu.
Sabe quando se conhece alguém e tudo parece se acalmar quando a pessoa adentra o ambiente? Foi assim que ela se sentiu naquele dia, tranquila. Ela não procurava nada, apenas alguém para conversar, mas ele acabou sendo mais que uma conversa. Ele se tornou a calmaria após a tempestade. Ele se tornou quem a ouviu, compreendeu e se colocou em seu lugar. Ele foi quem não julgou ou se afastou, apenas ouviu.
Aquilo fora bem mais do que ela queria, pois foi exatamente o que ela precisava naquele momento. Algumas vezes a vida joga pessoas na sua vida, pessoas que não imaginamos conhecer, mas que nos surpreendem no final.
Porque a vida é esse jogo, e todos os dias temos as fases para enfrentar. Fases difícies, fáceis, simples, algumas tentamos até “resetar”, mas não é possível voltar neste jogo. A cada fase, os desafios aumentam, mas é nossa missão vencer cada desafio e dizer bem alto a cada dia “Hoje vocês não irão me vencer!” e seguir em frente de cabeça erguida, por mais difícil que seja. Porque sempre depois de qualquer tempestade, existe a calmaria.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s